CUNHA E FELICIANO QUEREM A “CABEÇA” DA UNE

CF

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), anunciou nesta quarta-feira (4) a criação de mais duas CPIs na Casa, entre elas a destinada a investigar a UNE (União Nacional dos Estudantes).

As assinaturas para a CPI foram recolhidas pelo deputado Pastor Marco Feliciano (PSC-SP), alvo recorrente de manifestações organizadas pela UNE.

No requerimento apresentado por Feliciano, ele afirma que o objetivo é investigar “atitudes tidas como suspeitas” em convênios da entidade estudantil com órgãos federais e na aplicação do dinheiro recebido a título de indenização pelos danos sofridos na ditadura militar.

O deputado também quer apuração sobre “a arrecadação e o destino da receita proveniente da confecção das carteiras de estudante nos últimos cinco anos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *