Quem vai defender o governo Temer? (clóvis veronez)

vice vigarista

O governo de salvação do Temer, tá visto, já definiu sua primeira missão salvadora: salvar a si próprio da chacota que transformou-se, lá fora e aqui dentro.

Fruto da conspiração, o “pequeno” Temer chegou a “interinidade” presidencial sem votos, sem a vontade de quase ninguém que não fosse pateta ou corrupto. Pior, com a rejeição de quase todos.

Pensou em transformar a cidadania numa “Nação Marcela” – cordial, recatada e  da-cama, ops do-lar.

Estava enganado: nem Viagra, nem a Globo, nem a Veja salva o vigarista.

Até FHC percebeu: isso cheira a merda e já avisou: se não der certo vamos abandoná-lo. FH, “tamos” legal de traidor, responderam interlocutores.

Afinal, quem vai defender o Temer do PMDB e a “ponte para o passado” do PSDB?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *