Pelotas prepara manifestação inspirada em desfile carnavalesco (pelotas pela democracia)

pato de troia
https://www.facebook.com/satolepdemocracia/

Fora Temer:vai passar a resistência popular.

 

Desfile do Grêmio Comunicativo “Pelotas pela Democracia”

10 de Junho de 2016

Em alguma rua da cidade

 

 

Comissão de frente e abre alas

 

pato de troia

 

E agora quem paga o pato?

 

A frase inaugura o protesto popular contra o golpe na passarela da democracia, inaugura o desfile, ilustrando nossa comissão de frente.

 

Bonecos gigantes representam a comitiva do golpe.

 

No abre alas, ele próprio, o Pato de Tróia revelando seu verdadeiro caráter: o ataque às conquistas populares e aos direitos dos trabalhadores

 

“Pelotas Pela Democracia” remontará aspectos da cultura popular para contar ao povo sua versão sobre a atualidade política nacional, na forma de um desfile carnavalesco, que transita com a alegria e descontração próprias do povo brasileiro e da sua cultura multi facetada.

 

Música, alegorias e coreografia numa versão contundente de fatos, personagens e interesses por trás do afastamento da presidenta Dilma e do governo golpista de Michel Temer.

 

Assim, constitui-se nosso protesto/desfile: exaltação do povo e elevação da capacidade de percepção da realidade.

 

Primeiro setor:

 

Direitos e conquistas ameaçadas: Anúncios desastrosos em relação ao SUS, às universidades públicas, à previdência social, à cultura e o Corte de recursos para os programas sociais serão ilustrados neste setor.

 

“Não tem arrego! Nenhum direito a menos!”

100%

 

Segundo Setor:

Movimentos sociais, entidades e partidos: Este setor reunirá as bandeiras múltiplas dos movimentos sociais que hoje se encontram aliançados na defesa da democracia. 

movimento

 

 

Terceiro Setor:

Diversidade contra o golpe: Feministas, indígenas, movimento negro, juventude, lgbts, artistas etc..etc…etc..

Resultado de imagem para movimento e partidos contra o golpeResultado de imagem para movimento negro contra o golpesamia2

Quarto setor:

Comunidades: Representações por locais de moradia estarão colocadas aqui;

 periferiasdunas

Quinto setor:

O mundo todo contra o golpe referencias as manifestações que ocorrem no mundo inteiro denunciando o conluio golpista no Brasil.

se buscam

Sexto setor:

A Globo golpista

rede golpemaquina

 

Sétimo setor:

 

Vai ter luta “fora temer”  Este setor encerra o protesto afirmando nossa disposição em empreender uma luta sem tréguas ao governo golpista de Michel Temer.

 

ruas

***

Em tempo: O roteiro aqui apresentado é uma primeira sistematização da idéia par o ato do dia 10. Seu aperfeiçoamento, viabilização de aspectos plásticos e alegóricos ficarão a cargo da comissão constituída para este fim. (comissão artística)

 

A ampliação da representação social proposta aqui, ficará a cargo de uma comissão política e de diversos coletivos e entidades envolvidas.

 

A repercussão pública e divulgação partirá da pág, “Pelotas pela Democracia” e GT de trabalho na área, objetivando constituir uma vasta rede de compartilhamentos a partir daquela (em discussão).

Abaixo contribuição do Florismar para comissão política do ato:

Sugestões para a Comissão Política do Ato do dia 10/06

3

pato de troia
No Setor Direitos e conquistas ameaçadas
Podemos constituir diversas Alas:
  • Ala de trabalhadores e usuários em Defesa do SUS;
  • Ala de estudantes, pais e trabalhadores da educação em Defesa da Educação Pública;
  • Ala de beneficiários de direitos sociais e trabalhistas e trabalhadores da Previdência;
  • Ala de artistas, promotores e participantes da cultura;
  • Ala dos trabalhadores do setor de combustíveis em defesa do petróleo, do Pré Sal e da Petrobras;
  • Ala dos trabalhadores e usuários das comunicações, em defesa da liberdade de expressão ameaçada, pelo fim dos monopólios – aqui entra fora Globo e Pig Golpista;
  • Outras Alas poderão ser identificadas e acrescidas ou ainda modificadas, 
No Setor comunidades contra o golpe
Podemos compor Alas específicas de representações de cada bairro da cidade, caracterizando suas identidades, necessidades e reivindicações, com faixas e cartazes.
  • Ala do Dunas;
  • Ala do BGV;
  • Ala do Navegantes;
  • Ala da Gotuzzo;
  • Ala do FRAGET;
  • Ala do Laranjal;
  • Outras.

Talvez neste Setor, ou possivelmente em outro, como Setor de Cidades da Região Sul, podemos incluir as representações de outras cidades com suas pautas, manifestações e reivindicações específicas, como Rio Grande, Jaguarão, Santa Vitória, Capão do Leão, São Lourenço, Piratini, Arroio Grande e outras.

No Setor Movimentos sociais, entidades e partidos
Podemos criar Alas dos Partidos, Sindicatos, Centrais Sindicais, Movimentos sociais, representando as bandeiras múltiplas que hoje se encontram engajados na defesa da democracia. 
  • Alas de cada Partido;
  • Alas de cada Central ou Alas de cada Sindicato;
  • Ala do Brasil Sem Medo;
  • Ala do MST;
  • Outras Alas
  • e outros,

No Setor Diversidade contra o golpe

Podemos fazer chamamentos específicos para constituição de

  • Ala de Mulheres;
  • Ala de Indígenas;
  • Ala de Negros e Negras;
  • Ala da Juventude;
  • Ala de idosos;
  • Ala de Portadores de Deficiência;
  • Ala de LGBTs;
  • Outras Alas não citadas e que formos lembrando.
Penso que caberia um Setor específico do Poder Judiciário, algo como Setor Justiça acovardada e golpista
Cada pessoa identificada com alguma Ala, citada ou ainda não relatada, pode criar autonomamente seus próprios chamamentos. Podemos criar eventos específicos on line e presenciais, como reuniões e visitas, convidando os públicos alvo de cada Ala proposta. É importante a confecção de faixas, cartazes, estandartes, bandeiras e alegorias próprias para cada Ala ou Setor. Podemos mostrar as publicações da Mídia Internacional sobre a República das Bananas e as manifestações populares que ocorrem no mundo inteiro, denunciando o conluio golpista da Mídia brasileira, com destaque à Globo e RBS, a Veja, a Isto é, O Diário Popular e a Zero Hora.

3 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *